Blog

< Voltar

A importância de analisar a DQO no tratamento de efluentes

Existem diversos parâmetros de controle em uma ETE, conheça um pouco sobre cada um.


Existem diversos parâmetros de controle em uma ETE (Estação de Tratamento de Efluentes Industriais), como pH, série de sólidos (dissolvidos, sedimentáveis, suspensos, voláteis, etc), metais, compostos nitrogenados (nitrogênio Kjeldahl, nitritos, nitratos), dentre muitos outros.

Dois parâmetros que se destacam são DQO (Demanda Química de Oxigênio) e DBO (Demanda Bioquímica de Oxigênio). De modo geral, medem a quantidade de oxigênio que é necessária para oxidar quimicamente (DQO) e bioquimicamente (DBO) a matéria orgânica ali presente. Os resultados desses testes são expressos em massa de oxigênio por litro de efluente (mg/L).

Existem diversos métodos para determinar a DQO na prática. Um dos mais utilizados consiste em submeter a amostra à digestão (150 °C por 2 horas) na presença de dicromato de potássio em meio ácido. O manual Standard Methods for the Examination of Water and Wastewater traz todos os detalhes das análises utilizadas em estações de tratamento.

Mas qual a importância de avaliar a DQO em uma ETE?

- Ela indica a quantidade de carga orgânica (biodegradável ou não) presente na amostra;
- Apesar de não ter um limite estabelecido em muitas legislações, algumas cidades e distritos industriais adotam como um parâmetro de qualidade;
- A relação DQO/DBO é de grande importância no projeto de uma ETE (mede a biodegradabilidade do efluente);
- É um método rápido se comparado à outros (2 horas para digestão + tempo de leitura);
- Possibilidade de avaliar em tempo real a eficiência do tratamento
- A existência de equipamentos portáteis facilita a análise por parte dos operadores da ETE

Cuidados que devem ser observados nessa análise:
- Determinar o Range adequado (faixa de concentração) antes de iniciar a análise;
- O resíduo gerado na análise possui elevada toxicidade;
- Mantenha sempre seus equipamentos calibrados;
- A conservação da amostra é fundamental para a qualidade dos resultados!

E aí? Você já fez esse teste?

< Voltar